Arquivo da tag: torcida

Futebol e violência: “Ninguém toma atitude para inibir os marginais”

Padrão

Marília Monteiro

Jornalista e coordenador da Editoria Esportiva no jornal Correio Popular de Campinas, Carlo Carcani Filho trabalha em jornalismo desde 1988 e ainda não se conforma com o que acontece dentro e fora das arquibancadas do futebol. Segundo ele, o motivo é a falta de punição. “As torcidas organizadas têm um histórico cheio de incidentes violentíssimos, muitos com mortes, e nenhuma atitude é tomada por dirigentes e autoridades”.

O que mais revolta Carcani é que as brigas acontecem geralmente fora dos estádios e acabam atingindo pessoas que não estão envolvidas. Ele contou que uma enfermeira perdeu a mão porque seu ônibus foi atingido por uma bomba caseira, quando o Coritiba foi rebaixado no ano passado. “Para mim, isso é inadmissível, inaceitável. Mas para a sociedade e para a Justiça brasileira, é algo tolerável”.

Enquanto torcedores violentos não forem punidos com o rigor da lei, a violência só vai aumentar”, afirma Carlo ao dizer que as torcidas organizadas são a chave da violência. “Os clubes as manipulam, dando ingressos, dinheiro e até “emprego” aos líderes, para depois cobrarem apoio em situações difíceis. Além disso, falta vontade do Governo para acabar com isso”.

Arenas “multiuso” seria parte da solução para esse caso tão grave. “Se tiverem lojas e restaurantes, os clubes terão que se livrar das organizadas que passam o dia todo na porta do estádio. Para ser lucrativa, uma arena não poderia ter marginais incomodando torcedores e consumidores”, diz Carcani ao ver o esporte também como entretenimento familiar.

O jornalista aposta na Copa do Mundo de 2014 para melhorar diversos setores, esperando que haja um novo padrão de comportamento nos estádios a partir de 2011, e que gere empregos. “Era pra ser só lazer, diversão e negócios. No dia em que ir ao estádio e andar pelas ruas com a camisa do seu clube for algo seguro, muitas empresas vão crescer”

A Copa é considerada o maior evento esportivo do mundo por ele, que acredita que um evento desse porte será muito importante para o Brasil, “desde que façam a coisa certa”.

Carlo Carcani deu uma entrevista coletiva à Faculdade Prudente de Moraes em maio desse ano, deixando clara a sua posição sobre futebol, Copa do Mundo e jornalismo.

Anúncios